top of page

Como um gerenciador de tarefas pode ajudar em sua rotina

Atualizado: 21 de nov. de 2022

O gerenciador de tarefas pode me ajudar?

Se as tarefas de sua equipe estão se acumulando a cada dia que passa, saiba que isso é um sinal de que alguma coisa não está no lugar. Por isso, o gerenciador de tarefas irá ajudar a manter as atividades organizadas. É importante dizer que a forma como suas tarefas são estruturadas e a quantidade de ações entregues é o que mede, efetivamente, a produtividade da empresa. Por conta disso, o papel do gerenciador de tarefas é fundamental para medir, manter e aumentar a produtividade. Dessa forma, o gerenciador de tarefas terá papel fundamental para ajudar você a separar as tarefas mais importantes e urgentes, acompanhar o progresso de cada uma e enxergar os resultados.

Como organizar sua empresa com um gerenciador de tarefas

Se você tem dificuldades de colocar as tarefas do dia a dia em ordem, saiba que não é preciso muito para organizar as demandas de uma forma que sua empresa consiga dar conta do recado e conseguir um ritmo produtivo de forma contínua. Separamos algumas dicas simples para que você desbrave o gerenciador de tarefas com facilidade:


Tenha planos para sua empresa

O primeiro passo para que o gerenciador de tarefas realmente funcione é você ter metas a curto, médio e longo prazo para sua empresa. Mas, como assim? É simples. Ao estabelecer esses planos, você conseguirá perceber algumas atividades irrelevantes para o seu dia a dia e eliminá-las da sua lista de prioridades, assim como identificará quais são as operações mais importantes. Além disso, será muito útil para nossa próxima dica.


Faça uma lista de prioridades

Estabelecidos os planos, agora é a hora de organizar sua lista de prioridades. É preciso saber determinar o que é mais importante e o que é mais urgente, contudo, nem sempre eles são a mesma coisa. Tarefas urgentes são aquelas que você precisa fazer naquele exato momento. Já as mais importantes estão relacionadas com o seu planejamento a longo prazo.  Elas têm relação com aquele objetivo maior de alguns meses ou até anos. O segredo é equilibrar sua lista com ações urgentes e as que são mais importantes.


Saiba analisar os dados

Depois que você definiu seus planos e organizou as atividades, agora você precisa saber analisar os dados dos trabalhos realizados em cima disso. Esses indicadores-chave de desempenho fazem parte de uma abordagem analítica que vai te permitir fazer ajustes sempre que necessário. Os dados vão servir para que você saiba a causa de um problema, o porquê de determinada tarefa não ter sido entregue ou se são necessários alguns ajustes em determinados setores. Agora que você já sabe como um gerenciador de tarefas pode te ajudar, chegou a hora de conhecer o SAT Cronos, um sistema que aumenta a produtividade, auxilia na organização das demandas e disponibiliza dados precisos sobre a sua empresa.



Comments


bottom of page